Três grupos na Igreja: COVARDES, DESATENTOS E VALENTES

01/08/2015 17:37

Juízes 7.1-21

 

·         Nossa meditação de hoje visa levar a Igreja perto daquilo que o Senhor quer que sejamos.

·         Não temos a intenção de admoestar ninguém aqui, mas de levá-los a experimentar mais de Deus

·         A história de Gideão e o povo de Israel se assemelha à igreja dos dias de hoje.

·         Nitidamente há três grupos de pessoas na igreja

·         Quando falo de igreja, estou falando de todos aqueles que vão buscar a presença de Deus, independente de sua denominação.

·         E há então três grupos de pessoas: os covardes, os desatentos e os valentes.

·         E o objetivo desta mensagem é tirar todos os ouvintes dos dois primeiros grupos (covardes e desatentos) e levar para o grupo dos valentes.

·         Porque entre os valentes é que você vai se sentir integrante no reino de Deus.

·         Não sei se você já sentiu, em algum momento de sua vida, que vir à casa do Senhor não faz muito sentido.

·         Fará sentido se você se colocar entre os valentes.

·         Boa coisa é estar entre os valentes.

·         Miséria é estar entre os covardes.

 

Vamos então ao primeiro grupo, os covardes: Vs. 2 e 3 → E o SENHOR disse a Gideão: “Você tem gente demais, para eu entregar Midiã nas suas mãos. A fim de que Israel não se orgulhe contra mim, dizendo que a sua própria força o libertou, anuncie, pois, ao povo que todo aquele que estiver tremendo de medo poderá ir embora do monteGileade”. Então vinte e dois mil homens partiram, e ficaram apenas dez mil.

·         A primeira característica deste texto é que Deus não trabalha com multidões, Ele não trabalha com quem faz as coisas por obrigação.

·         Havia 32.000 pessoas, das quais 22.000 estavam ali por obrigação. Não estavam porque amavam a Deus, ou a nação de Israel, mas estavam ali porque era obrigação deles.

·         Deus descartou esta maioria logo de cara.

·         Ele quer pessoas dispostas e corajosas. Olha o que Ele fala acerca dos covardes: “Mas os covardes, os incrédulos, os depravados, os assassinos, os que cometem imoralidade sexual, os que praticam feitiçaria, os idólatras e todos os mentirosos — o lugar deles será no lago de fogo que arde com enxofre. Esta é a segunda morte” (Ap. 21.8).

·         Sabem porque? Porque é ruim trabalhar com covarde, ele puxa para trás, tem medo, desanima a turma, diz que as coisas não vão dar certo, é pessimista, está sempre cansado e dá no pé nas horas mais impróprias da batalha, quando o líder está precisando dele.

·         Os doze espias de Moisés são um exemplo típico disto: olha o que dez covardes disseram: Vimos também os gigantes, os descendentes de Enaque, diante de quem parecíamos gafanhotos, a nós e a eles. (Nm. 13.33)

·         Nos dias de hoje, também há covardes no meio da igreja, mas quero te convidar a proferir agora estas palavras: “eu rejeito a covardia”.

 

O segundo grupo de nossa meditação é o dos desatentos: Vs. 4-6 → Mas o SENHOR tornou a dizer a Gideão: “Ainda há gente demais. Desça com eles à beira d’água, e eu separarei os que ficarão com você. Se eu disser: Este irá com você, ele irá; mas, se eu disser: Este não irá com você, ele não irá”. Assim Gideão levou os homens à beirad’água, e o SENHOR lhe disse: “Separe os que beberem a água lambendo-a como faz o cachorro, daqueles que se ajoelharem para beber”. O número dos que lamberam a água levando-a com as mãos à boca foi de trezentos homens. Todos os demais se ajoelharam para beber.

·         Este grupo é constituído por pessoas que se dispuseram a ir para a luta, mas estão desatentos, não estão vigilantes e continuamente são enganados pelo diabo e caem em pecado ou em tentação.

·         Também são um grupo grande nos dias de hoje.

·         Tenho uma palavra pra você que se identifica entre estas pessoas: Deus quer te usar, mude seu modo de viver.

·         Num determinado momento Deus fala com você e você se convence que precisa mudar de vida, mas então vem as circunstâncias e você volta ao que era antes. Deus não pode usar você assim.

·         Jesus não pode usar os discípulos enquanto eles não estavam despertos: Jesus então, voltou aos seus discípulos e os encontrou dormindo. “Simão”, disse ele a Pedro, “você está dormindo? Não pôde vigiar nem por uma hora? Vigiem e orem para que não caiam em tentação. O espírito está pronto, mas a carne é fraca.” (Mc. 14.37-38)

·         Mais uma vez eu digo: Deus tem uma vontade enorme de usar você, mas se você tem uma vida cristã de altos e baixo, Ele não vai poder fazer isto.

·         Quem estuda um pouco sabe que existem vários tipos de crentes, os que se encaixam aqui são o crente celular, o crente bule e o crente funeral

·         Então meu convite para você hoje é o de deixar o grupo dos desatentos.

·         Porque o desatento não enxerga o que precisa ser feito, não se dá conta das coisas que estão acontecendo ao redor e perde a bênção por isto

·         Repita comigo: “Não serei mais um desatento, serei vigilante.

 

O terceiro grupo é o mais especial, é o grupo dos valentes: v. 7 → O SENHOR disse aGideão: “Com os trezentos homens que lamberam a água livrarei vocês e entregarei osmidianitas nas suas mãos. Mande para casa todos os outros homens”.

·         Deus quer que você faça parte deste grupo

·         Este é o mais especial.

·         É aquele que conhece mais a Deus e é conhecido por Ele.

·         É a nata, a elite, a fina flor, a menina dos olhos de Deus.

·         Não são muitos, são poucos, mas são suficientes.

·         Quando Deus escreveu à Igreja de Sardes, no Apocalipse, Ele falou a respeito de pessoas neste grupo especial: “No entanto, você tem aí em Sardes uns poucos que não contaminaram as suas vestes. Eles andarão comigo, vestidos de branco, pois são dignos”. (Ap. 3.4)

·         Deus não precisa de multidões, Ele se alegra naqueles que são dEle e fazem a sua vontade. Ele não é um megalomaníaco que precisa de fãs para sustentar seu ego. Ele é Deus e está acima de todas estas coisas.

·         Mateus 22.14 diz: “Pois muitos são chamados, mas poucos são escolhidos”.

·         Quero te desafiar hoje a fazer um propósito com Deus, quero te desafiar a ser um de seus valentes.

·         Deus quer te desafiar a deixar de lado todo o medo de que não vai ser capaz, toda a insegurança, toda a timidez, todo o desânimo, todo o pecado, toda a reclamação e murmuração e faça parte da Elite.

·         Seja um valente do Senhor.

·         Não será na nossa força que venceremos, mas na dEle, então não temos o que temer.

·         Deus derrotou os midianitas com jarros e com trombetas.

·         Imagina a vergonha para aquele exército, ser derrotados com jarros de barro.

·         Deus vai envergonhar os teus inimigos.

·         Aqueles que se levantam contra você saberão que você tem um Deus, se você se dispuser.

·         Pule fora do grupo dos covardes, pule fora do grupo dos desatentos, salte para o grupo dos valentes, pois ainda tem vaga.

·         Você vai experimentar coisas que você nunca imaginou.

 

 

Sidinei Egon Simon